Home / Canais / Academia
Universidade de Évora já tem Garantia de Qualidade certificada
Ilustração: GCI
Universidade de Évora já tem Garantia de Qualidade certificada

A Universidade de Évora (UE) já tem "selo de garantia de qualidade", uma certificação "muito importante para o futuro da UE”, diz o vice-reitor Jacinto Vidigal da Silva. “Estamos todos de parabéns, não só aqueles que participaram nas reuniões, mas também toda a academia”, acrescenta. A Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES) decidiu certificar o Sistema Interno de Garantia de Qualidade da Universidade de Évora, concordando com a fundamentação e recomendação da Comissão de Avaliação Externa (CAE).

Jacinto Vidigal da Silva, responsável pelo Planeamento, Avaliação e Promoção da Qualidade da Universidade de Évora explica que “esta certificação também representa uma maior responsabilidade”, pois “neste momento toda a informação está disponível para consulta pública e o grau de exigência sobre nós aumentou consideravelmente”.

Recorde-se que a UE integrou voluntariamente o primeiro grupo de instituições de ensino superior que se candidataram a um processo de auditoria aos respetivos sistemas internos de garantia de qualidade e a quem foi reconhecida a existência das necessárias condições de candidatura.

Qualidade e Inovação

Página Própria: http://www.qi.uevora.pt/

O aumento da competitividade é uma característica da sociedade moderna. Esta impõe padrões de exigência de qualidade crescentes a todos os intervenientes. A qualidade é uma característica da sociedade actual, que deve estar sempre presente na actuação dos cidadãos e das instituições, com particular responsabilidade nas Universidades.

Consciente desta responsabilidade a Universidade de Évora criou em 2006 a pró-reitoria para a política de qualidade e da inovação com o objectivo de promover, monitorizar e apoiar as iniciativas de melhoria da qualidade, com a responsabilidade de coordenar os processos de avaliação e de acreditação de cursos, a promoção da qualidade e da inovação, a disseminação de boas práticas e o apoio aos processos de criação e adequação de cursos às linhas orientadoras do processo de Bolonha.

Em 2009, a Universidade aprovou o Programa para a Promoção da Qualidade (PROQUAL) que define a política da qualidade como um processo contínuo de momentos de avaliação da instituição, das diferentes unidades, cursos e funcionários, com vista a detectar as áreas que necessitam intervenção e a assegurar a melhoria contínua. A sua acção deve envolver todas as vertentes da missão da Universidade, que engloba o ensino, a investigação e a prestação de serviços à comunidade e todas as actividades de divulgação cultural e científica, de apoio aos alunos e de acção social e administração.

O Gabinete para a Avaliação e Promoção Institucional da Qualidade (GAPIQ) tem a responsabilidade de recolha da informação, aplicação de questionários, construção de indicadores, organização da auto-avaliação e da avaliação externa, análise da informação e elaboração de estudos.

O GAPIQ é a estrutura responsável pela aplicação do PROQUAL. No entanto, embora este programa constitua um conjunto coerente de procedimentos e de sistemas para gerir e melhorar a qualidade, não constitui uma garantia de qualidade. Esta só pode ser alcançada com a participação de todos no desenvolvimento de uma verdadeira cultura de qualidade, sempre presente nas acções de todas as pessoas, grupos ou unidades.

Neste âmbito, o GAPIQ prestará apoio às acções que envolvem a Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior, desempenhando tarefas de consultadoria, assessoria, informação e coordenação dos processos de avaliação e acreditação das diferentes unidades da Universidade: cursos, departamentos, escolas, centros de investigação e serviços. No âmbito das suas competências, para além da assessorar a reitoria em matéria de qualidade e de apoio à decisão, também presta serviços de apoio técnico a todas as unidades que desejem desenvolver processos de auto-avaliação para obtenção de certificação de qualidade, elaboração e implementação de planos de melhoria, avaliação da oferta formativa, avaliação do ambiente laboral, elaboração e difusão de estatísticas de gestão, avaliação da integração dos diplomados no mercado de trabalho e processos de acreditação de serviços.

Jacinto Vidigal da Silva
(Vice-reitor para a Avaliação e Promoção da Qualidade)

Publicado em 04.03.2013