19 Novembro 2017
Página inicial / Canais / Academia
Miguel Araújo na lista de investigadores mais citados em 2016

Miguel Araújo investigador do CIBIO-INBIO surge em segunda posição na lista dos cientistas radicados em Portugal com 17.507 citações. Na lista da ISI Thomson Reuters figuram apenas os artigos científicos classificados de "altamente citados", que representam 1% de tudo o que se publica a nível mundial.

 

 

Miguel Araújo é autor de mais de 180 artigos científicos sujeitos a revisão inter-pares e de mais de uma dezena de livros e capítulos em livros, sendo o único investigador Português identificado pela Thomson Reuters como "Highly Cited" na categoria de ecologia e ambiente (2014, 2015, 2016). É ainda recipiente de vários prémios internacionais, dos quais se destacam o "Wolfson Research Merit Award" (2014) atribuído pela Royal Society de Londres, Ebbe Nielsen Prize (2013) atribuído pela "Global Information Biodiversity Facility", e “MacArthur & Wilson Award" (2013) atribuído pela "International Biogeography Society".

Coordenou e/ou participou em dezenas de projetos científicos internacionais na área dos impactes das alterações climáticas, tendo ainda sido responsável pela produção de relatórios sobre os efeitos das alterações climáticas na biodiversidade para os governos de Espanha e Portugal, e dirigido o relatório sobre as consequências das alterações climáticas nas áreas protegidas europeias a pedido do Conselho da Europa. Atualmente coordena, a pedido da Comissão de Coordenação da Região Alentejo, os trabalhos preparatórios da Estratégia Regional do Alentejo para as Alterações Climáticas.

Publicado em 23.11.2016