23 Novembro 2017
Página inicial / Canais / Cultura
Conferência Internacional: Tadeusz Kantor (1915 - 2015)

Em 2015 passam cem anos sobre o nascimento de Tadeusz Kantor, ocasião para celebrar o trabalho do grande criador polaco, procurando aprofundar o conhecimento da sua posição no contexto do teatro polaco, quer das consequências da sua presença no mundo, ponderando o impacto da sua extraordinária obra teatral e das particulares relações de contaminação transdisciplinar que se concretizaram na sua criação polifacetada e multímoda.

No incondicional modernismo da sua criação, Kantor constitui uma herança artística de importância maior para a criação do século XX, dimensão que o Colóquio procura, justamente, celebrar.

Em rigor, as efemérides kantorianas de 2015 são várias: os 60 anos da fundação, em 1955, da sua companhia de teatro, a companhia Cricot 2. Os 40 anos de A classe morta, o mais célebre dos seus espectáculos, e que o catapultou para a cena mundial e para a fama. E além da comemoração da sua presença em Portugal, nos Encontros ACARTE de 1989, com a apresentação no Grande Auditório da Fundação Calouste Gulbenkian de Je ne reviendrais jamais / I shall never return, os 25 anos sobre a sua morte (1990).

A Conferência, que se realiza em Évora, entre os dias 15 e 21 de Abril,  conta com o alto patrocínio da Embaixada da República da Polónia em Lisboa, e é promovida pela Universidade de Évora, numa iniciativa do Centro de História da Arte e Investigação Artística (CHAIA) e do Departamento de Artes Cénicas, com organização executiva da Colecção B, associação cultural. A iniciativa conta com o apoio da Direcção Regional de Cultura do Alentejo, da Fundação Eugénio de Almeida, da Câmara Municipal de Évora, entre outras entidades. A conferência, aberta ao público da academia mas também à cidade e ao público em geral (nomeadamente através da mostra documental e do programa kantorage de criação artística, concretiza também uma acção de transferência de conhecimento entre a academia e a cidade, publicando as comunicações apresentadas nas conferências, material iconográfico e documentação sobre Tadeusz Kantor.

José Alberto Ferreira/ Departamento de Artes Cénicas/ Colecção B/ CHAIA

Publicado em 23.03.2015