Home / Canais / Academia
“Gonçalo M. Tavares: Ensaios, Aproximações, Entrevista”, por Madalena Vaz Pinto

O lançamento do Livro "Gonçalo M. Tavares: Ensaios, Aproximações, Entrevista" de Madalena Vaz Pinto, teve lugar hoje, dia 06 de março na Universidade de Évora com a presença da autora.  

Madalena Vaz Pinto considera que Gonçalo M. Tavares “é um escritor com uma imaginação proliferante que não tem medo de pensar e que nos oferece mundos fabulosos”, onde as questões metafísicas “premiam a vida e faz-nos pensar sobre o que é estar vivo ou como é lidar com a dor”. Sem ser difícil em termos de construção literária, Gonçalo M. Tavares “apresenta textos muito densos em termos de ideia, na desconstrução interna que faz do literário”, uma “plurissignificação instigante deste escritor que não se restringe a um género específico” e que ainda “inventa outros textos cuja definição não existe”.

A autora e professora da Universidade Estadual do Rio de Janeiro revela que a ideia deste livro surgiu do desejo de dar a conhecer aos leitores de língua portuguesa um  conjunto de ensaios críticos que contemplem a multiplicidade de suas criações e funcionem como exercícios de aproximação desta obra singular polifônica. Para isso foram convidados dez ensaístas, cinco brasileiros e cinco portugueses, que puderam se debruçar livremente sobre textos, coleções ou aspectos da obra do autor. O resultado acabou por constituir um amplo painel crítico desta trajetória, oferecendo ao leitor muitas possibilidades de aproximação e contato com a poética tavariana.

Gonçalo M. Tavares nasceu em 1970. Desde 2001 publicou livros em diferentes géneros literários e está a ser traduzido em mais de 50 países. Prémio Literário Vergílio Ferreira 2018 pela Universidade de Évora, os seus livros receberam vários prémios em Portugal e no estrangeiro. Com Aprender a rezar na Era da Técnica recebeu o Prix du Meuilleur Livre Étranger 2010 (França), prémio atribuído antes a Robert Musil, Orhan Pamuk, John Updike, Philip Roth, Gabriel García Márquez, Salman Rushdie, Elias Canetti, entre outros.

Madalena Vaz Pinto é portuguesa e mora no Rio de Janeiro. Doutora pela Pontifícia Universidade Católica é professora adjunta da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, na Faculdade de Formação de Professores de S. Gonçalo. Suas pesquisas na área da literatura portuguesa concentram-se, principalmente, nos autores modernos e contemporâneos, tendo publicado artigos em livros e revistas especializadas na área. É diretora do Centro de Estudos do Real Gabinete Português de Leitura e editora da revista Convergência Lusíada da mesma instituição. 

Publicado em 06.03.2019