Home / Canais / Academia
Síntese e Catálise química reúne investigadores e indústria farmacêutica

Investigadores provenientes de 33 países participam no International Symposium on Synthesis and Catalysis que decorre até 6 de setembro na Universidade de Évora (UÉ).

A síntese e catálise orgânica, biocatálise em síntese, química medicinal e biologia química, desenvolvimento de processos dos principais alvos farmacêuticos, ou a síntese de polímeros constituem os principais tópicos deste simpósio organizado pela Universidade de Évora e pela Sociedade Portuguesa de Química (SPQ).

Anthony Burke, Professor do Departamento de Química da Escola de Ciências e Tecnologia da UÉ e investigador no Centro de Química de Évora (CQE) salientou a importância deste encontro sobretudo pela “forte presença de oradores internacionais ligados à indústria farmacêutica, com a qual, devemos e podemos colaborar cada vez mais na obtenção de financiamento e avanço científico”.

A equipa de investigação internacional, liderada por este investigador da UÉ, têm-se debruçado no estudo e produção de novos inibidores da enzima Colinesterase, “fundamental para assegurar a comunicação entre neurónios em doentes com a doença de Alzheimer”. Estas moléculas demonstraram bons níveis de inibição de butirilcolinesterase (um tipo de ChE responsável pela destruição de ACh em doentes com a doença mais avançada), quer in vitro, quer in vivo, desenvolvidas com recurso a um catalisador “verde” (organocatalisador) igualmente desenvolvido por esta equipa da UÉ. Anthony Burke recordou que estes organoatalisadores, têm a função de “acelerar” o processo de produção de fármacos, tornando o processo em geral “mais barato, mais rentável e mais sustentável”.

A terceira edição deste simpósio internacional conta com 15 oradores plenários, vindos de Universidades e da Indústria, 25 comunicações orais, 36 comunicações flash (flash-talks de 10 mins) e duas sessões de poster.

Publicado em 04.09.2019